Dendê (Elaeis guinnensis)

APRESENTAÇÃO DA CULTURA

A palma de óleo, conhecida no Brasil como dendê, é uma palmeira de origem africana. Foi introduzida no Brasil no século XVII com vistas à produção de óleo para fins alimentícios e cosméticos. Atualmente, a maior parte do óleo vegetal produzido no mundo provém desta planta. Os maiores produtores são a Malásia e a Indonésia. No Brasil, a cultura se encontra em franca expansão para atender a demanda de óleo vegetal para produção de biodiesel. O óleo extraído do fruto do dendê apresenta inúmeras utilidades industriais, que vão desde a produção de alimentos até a farmoquímica.

BOTÂNICA

O dendezeiro pode atingir até 15 m de altura. A planta possui raízes fasciculadas, estipe ereto e sem ramificações. As folhas medem cerca de 7 m de comprimento e suas bases são recobertas por espinhos. Os frutos são negros quando jovem e amarelos ou avermelhados quando maduros. Possui mesocarpo (polpa) fibroso rico em óleo, o qual envolve o endocarpo rígido. A semente, contida pelo endocarpo, é também é rica em óleo.

SISTEMAS DE CULTIVO

A cultura do dendê é geralmente estabelecida na forma de cultivo solteiro, porém permite consórcio com outras culturas anuais até o início da fase de produção, desde que estas guardem adequada distância das linhas para que não haja competição com os dendezeiros. Após o início da produção, a consorciação é dificultada pelo uso mais intensivo de maquinário agrícola no campo de cultivo. Comumente, utilizam-se densidades de plantio de cerca de 140 plantas por hectare, em espaçamento 9 x 9 x 9 m em um triangulo equilátero.

INDUSTRIALIZAÇÃO E PRODUTOS DO DENDÊ

Do dendê podem ser obtidos dois tipos de óleo: da polpa e da amêndoa. O óleo de polpa, produzido em maior quantidade (conhecido popularmente no Brasil como azeite de dendê) pode ser utilizado na alimentação humana e na produção de biocombustíveis. Já o óleo da amêndoa, conhecido como óleo de palmiste, é um produto mais nobre e caro. Este óleo, além do uso alimentício apresenta inúmeras aplicações no setor industrial, que vai desde a produção de alimentos até a farmoquímica.

Parceiros

 1  2  3  5  6  7  8 9

Equipe de Desenvolvimento Web/UFV - 2014 - Mantido com Wordpress